Conectividade

"É o setor da tecnologia que está mais em alta no mundo hoje, devido às diversas aplicações" é o que diz Filipe Torres, especialista em Engenharia de Sistemas Eletrônicos e Automação da Universidade de Brasília (UnB) sobre a forte influência da inteligência artificial (IA) no cenário tecnológico.

A cada ano que passa, mais presente a tecnologia se faz em nossa vida. Há 10 anos era difícil imaginar que quase todas as operações bancárias estariam disponíveis em apenas um app ou que o celular poderia ser desbloqueado apenas com o reconhecimento da nossa face.

A impossibilidade do presencial devido à pandemia, que soma quase 2 anos, fez com que o digital emergisse e o já acelerado progresso tecnológico, ficasse mais rápido ainda.

Portanto, estar ligado nas tendências, notícias e novidades desse mundo é também acompanhar a evolução de serviços que estão diretamente ligados ao nosso cotidiano, com os quais temos uma relação de quase dependência.

Pensando nisso, líderes de empresas da área tech apontaram quais seriam as tecnologias de maior impacto e relevância para 2022. Vamos conhecê-las?

Inteligência Artificial

Sabe aquela assistente virtual que você chama pelo nome e ela chega a conversar com você? Ela é uma inteligência artificial.

A inteligência artificial é o uso de sistemas ou máquinas que executam tarefas “imitando” a inteligência humana, baseado nos dados que recolhem.

Seu objetivo é otimizar tarefas humanas, como funciona com o chatbot. É impossível que um ser humano possa responder instantaneamente os chamados feitos em um website, por isso, existe o chatbot, para otimizar o atendimento. Essa é apenas uma das formas de utilizar IA.

Quer saber como o chatbot pode auxiliar na sua empresa? Clique aqui.

Sua vasta aplicabilidade e recente descoberta, deixa pesquisadores, profissionais da área e usuários animados em relação ao que ainda pode surgir derivado da IA, pois sua prematuridade sugere que há muito o que explorar.

No Brasil, a tecnologia já vem sendo aplicada na área de saúde e educação, como também em outros setores como na identificação de pessoas, certificação de processos e pagamentos digitais!

Compreenda com mais estes exemplos de aplicações que provavelmente você já utilizou e que são desenvolvidas pela Vsoft:

a) No mercado financeiro: seja na abertura de uma conta digital em banco, na validação facial para aprovação de uma compra ou na leitura do comportamento de consumo, a IA se faz presente.

Em todas as etapas mencionadas acima, a tecnologia age para facilitar e agilizar o consumo, e para tornar o serviço cada vez mais seguro, prevenindo fraudes.

b) Na identificação de pessoas: auxilia fortemente na detecção, pesquisa e verificação de imagens capturadas por biometria.

No BioPass ID, serviço online que possui uma moderna tecnologia multibiométrica, inteligência artificial e computação em nuvem são unidas para ajudar empresas a otimizarem e economizarem horas, dias e meses no processamento de algoritmos complexos.

c) Na educação: essenciais para garantir a máxima transparência e seguridade na emissão de documentos oficiais, como a CNH, a IA ajuda na identificação e análise do comportamento de pessoas através de imagens capturadas tanto em sala de aula virtual, quanto no interior de um veículo.

Clique aqui e veja como a prova prática do DETRAN é otimizada através de ferramenta especializada.

Essa funcionalidade ajuda no acompanhamento de todas as etapas práticas e teóricas necessárias para confirmar a aptidão à condução de veículos, seja em forma remota ou presencial.

Internet das Coisas (IoT)

Poder apagar a luz e trancar a porta com comando de voz ou ter um relógio que calcula suas calorias é possível, hoje em dia, graças ao avanço da internet.

A visão de que internet era ocupada apenas por computadores já pode ser esquecida. Com a difusão da internet em smartphones, TVs e outras aplicações, é difícil, mas animador, saber até onde a internet pode chegar.

Essa é a Internet das Coisas, ou no inglês Internet of Things (IoT). É a integração de dispositivos tidos como “inteligentes” por possuírem conexão com a internet. Chama-se internet das coisas, pois há inúmeras possibilidades de setores e dispositivos aptos à conectividade.

A Ericsson prevê que em 2022, 18 bilhões de dispositivos ligados à IoT estarão conectados. Para se ter uma ideia, o uso do IoT pode ser utilizado em uma cortina e também por um sensor de ambiente.

A ideia é que essa tecnologia promete nos surpreender neste ano e continuar desafiando os limites da conectividade.

Conheça aqui quais fatores são relevantes para a escalada de dispositivos em IoT.

Tecnologia 5G

Essa tecnologia teve seu desenvolvimento fortemente acelerado pela pandemia da Covid-19, em grande parte pelo uso cada dia mais frequente dos aparelhos celulares.

Nesse período, consultas médicas e atividades ligadas ao ensino foram forçadas a operarem apenas virtualmente. No entanto, isso não foi de um todo ruim.

A partir daí, percebeu-se o potencial de ampliação e democratização do acesso à medicina, através da telemedicina, e da educação com o ensino remoto através de uma tecnologia que apresenta conectividade suficiente para um aparelho celular, diminuindo a dependência de computadores e conexões como Wi-Fi.

No Brasil, o 5G está a um passo de acontecer. Segundo a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), a tecnologia está prevista para ser usada amplamente ainda neste ano, inclusive, já até divulgou a lista de celulares preparados para receber a conexão, saiba aqui se o seu está incluído.

Computação na Nuvem

Também acelerada pela pandemia, é claro que ela não poderia deixar de ser mencionada, afinal, foi grande responsável pela revolução do trabalho remoto.

A computação na nuvem mudou a forma como muitas profissões davam vazão a suas atividades.

Com sua capacidade de integração e compartilhamento de dados, se tornou possível dar andamento a atividades empresariais na forma híbrida ou 100% remota, além de proporcionar rapidez em sua utilização.

O BioPass ID, plataforma de IA na nuvem com APIs para diversos propósitos, utiliza desta tecnologia para armazenar dados sensíveis de identificação de pessoas, como biometrias. Portanto, percebemos que a utilização da computação na nuvem promove níveis altos de armazenamento de dados, sem deixar a desejar na segurança.

O que esperar para o futuro?

Nos últimos anos, podemos ver de perto o impacto que a tecnologia tem no nosso cotidiano e a tendência é que fiquemos cada vez mais dependentes dela.

Portanto, é importante que a evolução da tecnologia seja também vista como um sinônimo do aumento de possibilidades na economia, na educação, na saúde, no nosso entretenimento e onde mais ela possa agir para melhorar a nossa qualidade de vida.

Após a apresentação dessas tendências, o que podemos fazer é acompanhar e verificar com atenção as novidades com que a tecnologia pode nos surpreender.

Continue ligado nas notícias sobre esse mundo! Para isso, o blog da Vsoft continuará a te atualizar sobre as evoluções e possibilidades da tecnologia.

Success! You're signed up
Oops! Something went wrong while submitting the form.
go  top